Estávamos pesquisando aqui dicas para  ter uma excelência na comunicação paroquial, de forma prática, rápida e segura e, é claro, lembrei de você. Resolvemos compartilhar alguns insights que acredito que irá gostar, pois eles organizam nosso dia-a-dia quando o assunto é mídia.  

  1. Coloque leveza no desafio de organizar a comunicação. Certa vez perguntaram a João XXIII quantas pessoas trabalhavam no Vaticano, com muito bom humor respondeu: “mais ou menos a metade”. Organizar a comunicação é uma tarefa contínua e você não está só, então não entre em desespero! Tem jeito \o/ 
  1. Pensa: a quem precisa chegar as informações que desejo divulgar? Aos paroquianos? Ao público externo?  É uma notícia de utilidade pública, por exemplo? A um grupo específico [ por exemplo uma pastoral que fará uma reunião, ou um movimento que terá uma programação especial] quando se define o público alvo, logo surge uma outra etapa, definir qual canal de comunicação que esse grupo utiliza. A comunicação pode ir via mensagem de whatsapp ou de divulgação nas redes sociais ou ainda um aviso dado na rádio comunitária. Sempre ao pensar em divulgar pense na dupla dinâmica: público alvo e veículo de comunicação. 
  1. Organize uma equipe de comunicação que pensará o conteúdo a ser veiculado nas mídias oficiais da Paróquia. Não inverta o processo! Jamais crie a mídia e pense em formar a equipe depois. À priori sempre é quem vai alimentar as mídias. Todas as ferramentas precisam de alguém para utiliza-las! 
  1. Invista num aplicativo e site paroquial, com muitas funcionalidades e links. Estamos num período de onipresença da mídia em nosso dia a dia. Infelizmente, temos fake news em todos os temas, inclusive os religiosos. Ter um site é uma decisão importante pois ali tem o olhar institucional da Paróquia sobre todos os temas, além de indicação de materiais de formação, redes sociais, e interatividade tais como devolução de dízimo e agendamento de missa. 
  1. Crie uma cultura de comunicação. Redirecione as atividades da paróquia para o site. No final da missa, o sacerdote nos avisos paroquiais deve sempre repetir: “mais informações no site da paróquia” assim evita ruídos de comunicação desnecessários. 
  1. Ouça muito! Quem escuta bem tem tendência de ter empatia e compromisso com aquilo que foi dito. Por isso faça pesquisas, escute os líderes, paroquianos, sobre qual conteúdo deve ser produzido para as mídias da paróquia. 
  1. Por fim, uma dica de ouro! Tenha planejamento estratégico. Faça uma reunião de pauta e avaliação com o sacerdote periodicamente, assim em conjunto podem elaborar as ações para fortalecer a unidade através da comunicação. 

E abaixo, você encontrará o link para conversar com um de nossos especialistas e descubra como continuar evangelizando através de um aplicativo e site paroquial.

Deixe um comentário

0800 292 7000